segunda-feira, 28 de maio de 2012

Jiló e seus benefícios

Jiló combate o mau hálito, protege o coração e ajuda a emagrecer


Ele faz franzir a testa e provoca cara feia, mesmo quando está somente na imaginação. Encarar o amargo do jiló, porém, faz bem ao coração, combate o mau hálito e ainda ajuda a perder peso.
Embora pertença a mesma família que o pimentão e a berinjela, o jiló é um fruto, e não legume, como seus primos. É concentrado em vitaminas A, do complexo B e C. Contem minerais, cálcio, ferro e magnésio, mas seu potencial reverenciado é no combate ao colesterol e à halitose.
Seus compostos bioquímicos, denominados flavonóides, são antioxidantes, ou seja, protegem as artérias, impedindo que o colesterol – gordura ruim – seja aderido. “É um alimento poderoso para a manutenção da saúde do coração”.
Na dieta, ele ajuda a combater a vontade de comer, sensação quase incontrolável nos mais ansiosos. O valor calórico baixo, 40 calorias em 100 gramas, permite que o jiló seja consumido sem pesar na consciência. Com uma grande quantidade de água na composição, é um aliado do regime, pois promove saciedade.
Entretanto, para ter resultados na balança e na saúde, ele deve ser incorporado à dieta. O gosto amargo precisa fazer parte da refeição ao menos uma vez por semana. “Os benefícios desses alimentos só serão sentidos quando ingeridos com frequência. Não vale comer apenas esporadicamente.
Uma ou duas vezes por semana é o ideal”
Para quem gostou do valor agregado, mas não consegue desfazer a careta, a nutricionista indica que transforme o fruto em farinha. Triturar e fazer dele uma farofa é uma boa alternativa para consumi-lo sem dor,ele pode ser associado a diversos alimentos, minimizando o sabor marcante. Duas colheres de sopa por semana já são suficientes para garantir seus benefícios.
Cortar o jiló em quatro partes e deixá-lo de molho na água com sal por 15 minutos ajuda a reduzir o amargor. Embora difícil de engolir, o sabor repulsivo do jiló também tem seu valor. O amargo estimula a salivação e tem uma ação bactericida na boca. O processo promove limpeza bucal e o hálito saudável.

Eu particularmente adoro jiló. Faço duas receitas que amo e meus filhos também. Para quem quiser fica ai a dica.....

Biscoito de Jiló

    10 jilós (grandes);
    6 copos (americano) de farinha de trigo;
    2 copos (americano) de açúcar;
    2 ovos;
    1 copo (americano) de óleo;
    1 colher (sopa) de canela em pó;
    3 colheres (sopa) de fermento em pó.

    Modo de Preparar:

    Pré-cozinhe o jiló em 400 ml de água, bata no liquidificador.
    Em outra vasilha, coloque todos os ingredientes, misturando bem até que fique uma massa homogênea, soltando das mãos.
    Se necessário, acrescentar um pouco de farinha de trigo.
    Amasse para não ficar dura. Faça bolinhas e asse em tabuleiro untado e enfarinhado.
    Caso queira, pincele com gema.
    Usar óleo ou farinha para auxiliar a modelagem.

    Chips de jiló

    1kg de jiló
    500g de farinha de trigo
    100g de sal grosso
    250g de queijo parmesão ralado
    Água

    Modo de Preparo:

    Lave o jiló e o fatie bem fininho em rodelas. Em um recipiente, misture farinha, sal e água e coloque as rodelas de jiló. Reserve por no mínimo três horas e seque bem. Frite as rodelas de jiló em óleo quente. Deixe esfriar um pouco e salpique queijo parmesão ralado por cima. Rende até três porções.

    Espero que tenham gostado. Bjus e até a próxima




    7 comentários:

    Vanderléia Silva disse...

    Nunca tinha visto falar, é gostoso mesmo,kkk?
    Page:https://www.facebook.com/CantinhoDaVanderleia
    Meu blog http://cantinhodavanderleia.blogspot.com.br/

    Mirela Bertolete disse...

    Eu não gosto de jiló mas quem sabe eu possa gostar do biscoito rs
    Tô seguindo aqui rs

    http://moda-nofimdomundo.blogspot.com.br/

    Mirela Bertolete disse...

    Eu não gosto de jiló kkkkk mas quem sabe o biscoito possa ser melhor kkkk

    Tô seguindo aqui

    Beijos Mirela
    http://moda-nofimdomundo.blogspot.com.br/

    Adriana Engelmeyer Bouzan Lopes disse...

    Nossa,,,,,essa chios deve ser tudo de bom.......

    Yaya Bretas disse...

    Que post diferente e instrutivo, Alvani e, pelo visto, ainda é gostoso! rsrsrsrs
    Anotando e passando pra minha irmã, que é a cozinheira da família.
    bjkas

    Amanda Scarlett disse...

    nossa kkkkkkkkkkk fiz logo cara feai depois li isso e morri de rir.. é eu na verdade nunca provei e até posso gostar né.. mais a fama nao é boa rsrs, mas pelos beneficios pq nao provar pelo menos muito legal o post =D

    Blog Rouge à Lèvre | Twitter | Youtube | Fã Page | Stagram

    Iara Netto disse...

    Já escutei dos benefícios do jiló, mas não consigo comer de jeito nenhum : (

    besitos

    iaranettomeamarro.blogspot.com